domingo, 13 de dezembro de 2015

Vinagrete veranesco

E o almoço de domingo, hoje, foi leve, com pratos de quase-verão, pelas temperaturas dezembrinas. Servi, por exemplo, uma saladinha de brócolis, preparado no vapor, acompanhado de um vinagrete cítrico com raspas de laranja. Uma das melhores coisas de um vinagrete, para mim, é sua versatilidade: recebe diversas combinações de temperos e de ideias, de acordo com as estações do ano e com a verdura ou legume de escolha. 

O brócolis preparado no vapor está pronto quando ainda firme no caule, ao testarmos com o garfo. Para o o molhinho vinagrete, meu como-se-faz:

Misturo 2 partes de azeite de oliva para 1 parte de vinagre balsâmico, tempero com sal e pimenta preta e, por fim, acrescento as raspas de 1 laranja. O sabor é cítrico, refrescante e, ao mesmo tempo, vigoroso na pimenta, mas bem moderado no sal. O apimentado contrasta com a refrescância predominante, dando um tom de surpresa pra salada. O brócolis recebe super bem a qualidade cítrica das raspas de laranja, e essas, por sua vez, mostram uma doçura emprestada pelo balsâmico. A quem prefere um toque ainda mais docinho, sugiro adicionar uma colher (das de cafezinho) de melado, misturada ao vinagre e ao azeite, no início do preparo. 

Como o ideal é que os ingredientes interajam na receita, formando um sabor resultante de suas misturas, gosto sempre de preparar o vinagrete na noite do dia anterior ao servir. Por quê? A química entre os elementos do conjunto, ao longo das horas, faz com que as características de cada um se 'apropriem' das demais: o vinagre e o azeite, a laranja e a pimenta, o doce e o salgado, e assim por diante. Os contrastes se aproximam, as diferenças se misturam e, assim, atenuam-se. No fim das contas, o viço dos gostos aparece quando os ingredientes adquirem intimidade, pela convivência. Por isso,o  preparo antecipado  é válido: para que exista uma ligação mais sólida no sabor, é necessária a ação do tempo que passa, reforçando o elo entre os ingredientes. 

Então, eis a minha dica de hoje! 

Bom proveito!

Com carinho,
Betina